Assinar Newsletter

Receba novidades, artigos e dicas especiais.

Por que ser redator de conteúdo freelancer é uma boa oportunidade em 2017?

Escrito pela Luiza Drubscky, do Escreva Para Web.

Não é segredo que a internet facilitou — e muito! — a maneira como vivemos e interagimos com o mundo ao nosso redor.

Seja no âmbito pessoal, com a ascensão das redes sociais, ou no profissional, com softwares e tecnologias cada vez mais sofisticados para auxiliar nas tarefas do trabalho, essas mudanças chegaram com força total, trazendo novas possibilidades para vivermos melhor.

Uma das principais delas é a possibilidade de se tornar o seu próprio chefe!

Isso mesmo. Com a internet sendo usada para quase tudo nessa vida, por que não utilizá-la também como fonte de renda? E uma das melhores opções para isso é ser redator de conteúdo freelancer. Se interessou? Calma que a gente te explica.

O que faz um redator de conteúdo?

Para entender bem o que um redator de conteúdo faz, é preciso antes saber como o Marketing de Conteúdo funciona. Essa é uma nova forma de marketing — que está diretamente ligado ao Marketing Digital — e tem sido cada vez mais usada por empresas de todo o mundo para atrair novos clientes e fidelizar os antigos.

A ideia é oferecer conteúdo que eduque e ofereça valor para a pessoa que estiver lendo. E quem é ela? A chamada buyer persona, que nada mais é do que uma representação do cliente ideal da empresa.

Resumindo, o Marketing de Conteúdo se baseia em criar conteúdos sensacionais que vão mostrar para os potenciais clientes de uma empresa como ela pode ajudá-los a resolver algum problema ou viver melhor. Ele está muito mais preocupado em criar um diálogo com o consumidor, do que em “empurrar goela abaixo” uma publicidade que soa falsa.

O redator de conteúdo é aquela pessoa que gosta de escrever e vai produzir blog posts, e-books, infográficos, whitepapers e mais o que for para auxiliar empresas com suas estratégias de Marketing de Conteúdo. Mas não é qualquer texto! Tem que ser um material educativo e de valor para quem estiver lendo.

Por que ser redator de conteúdo é uma boa em 2017?

redator freelancer

Já dizia o ditado, “os números não mentem”. E para te provar que 2017 é o ano certo para você começar sua carreira como redator de conteúdo, separamos algumas estatísticas que mostram como esse job estará em alta neste ano. Veja só:

  • Segundo a WebDAM (empresa norte-americana de software de gerenciamento de ativos digitais), até 2019 serão 15 bilhões de reais investidos por empresas de todos os segmentos em Marketing Digital. Mais do que o dobro do que os 7 bilhões investidos 5 anos antes, em 2014. E se você quiser sua fatia de todo esse investimento, a hora é agora.
  • 8 segundos é o tempo médio que uma pessoa leva para se distrair com algo na internet. Ou seja, cada vez mais empresas precisam de pessoas que saibam produzir um conteúdo realmente interessante, que consiga prender a atenção de quem está lendo.
  • A publicidade na internet vai superar a da televisão ainda este ano e se tornar o principal meio publicitário no mundo. O que significa que quem começar sua carreira de redator agora estará bem na crista dessa onda.
  • E para terminar, mesmo com uma pequena previsão de melhora no PIB para o ano que vem, a situação econômica do país ainda é bastante temerária, e mesmo que você ainda não pense em seguir uma carreira como redator de conteúdo, possuir uma segunda fonte de renda é sempre uma boa para garantir estabilidade financeira em um cenário como esse.

Quais as vantagens de ser um redator de conteúdo freelancer?

E como se isso tudo que mostramos acima já não fosse o suficiente, ser redator freelancer ainda traz diversas vantagens atemporais, que você poderá desfrutar independente do momento do mercado. Por exemplo:

Viva aprendendo sobre novas áreas

Uma das grandes vantagens de ser redator de conteúdo é que você nunca irá escrever sobre a mesma coisa. A demanda por conteúdo não se resume a nenhum segmento de mercado, o que significa que você poderá escrever sobre variados temas, desde tecnologia até entretenimento.

Isso é ótimo principalmente para aqueles que gostam de ler e viver aprendendo coisas novas. A variedade de assuntos sobre os quais você escreverá também fará com que seus dias de trabalho sejam mais dinâmicos. Claro que você sempre pode se especializar em um tema, se assim desejar, mas é bom saber que terá várias opções.

Risque a palavra “rotina” do seu dicionário

Se você tem problemas com a palavra “rotina”, a vida de redator de conteúdo com certeza vai riscá-la do seu dicionário. Além de escrever sobre diversos temas, o que já garante um pouco de variedade para suas atividades diárias, você também poderá montar sua agenda como bem entender.

Isso não significa, porém, que você não pode ter horários ou compromissos agendados. O legal de ser freelancer é que a escolha de trabalhar dentro de um horário fixo ou não é sua, não de terceiros, e você poderá organizar seus dias do jeito que achar melhor.

Tenha um chefe muito legal (você mesmo!)

Lidar com chefes pode ser bem complicado às vezes, mas quando você é o seu próprio líder, essa relação fica bem mais fácil, não é mesmo? É claro que, como qualquer chefe, você deve ser chato em alguns momentos e impor limites e metas para que seu trabalho realmente renda aquilo que você espera, porém não há nada melhor do que ter que atender demandas que são suas e somente suas.

Tenha influência direta sobre o quanto você ganha

O trabalho como freelancer não é fácil (assim como nenhum outro trabalho), mas uma das vantagens é que você tem influência direta sobre aquilo que ganha cada mês. Só depende do seu esforço, dedicação, de saber cobrar o preço certo pelos seus jobs e de fazer um marketing pessoal de sucesso para conquistar clientes!

Ganhe dinheiro fazendo uma coisa que você goste

revisor freelancer

Amar o que você faz é sinônimo de bons resultados. Quando você trabalha e o dinheiro vem como consequência — em vez de trabalhar pelo dinheiro —, você acaba ganhando muito mais. Isso porque fazer uma coisa que a gente gosta dá mais motivação e melhora nossa produtividade.

É claro que o início pode ser complicado e você pode acabar fazendo textos que não sejam sobre algo que realmente ame, mas se você se dedicar à carreira, com o tempo é possível direcionar os jobs para aquelas atividades que mais te encantam.

O site Worldometers, que mostra estatísticas mundiais em tempo real, tem uma página dedicada ao número de blog posts publicados na web por dia. Já são mais de 3 milhões de posts, e a tendência é que esse número continue crescendo.

Isso mostra que a demanda pelo trabalho do redator de conteúdo também vai só aumentar e que 2017, sem dúvidas, é o ano para você também entrar nessa. Mas lembre-se: com tanto conteúdo disponível, o consumidor vai procurar aquilo que há de melhor, por isso busque estar sempre atualizado com as melhores práticas de quem vive de freela.

Você não vai querer perder essa oportunidade, não é mesmo? E se ainda ficou com alguma dúvida sobre a vida de redator de conteúdo, deixe um comentário abaixo que a gente te ajuda!


Lembrando que estamos também no nosso canal no YouTube, com vídeos novinhos sobre a vida de freela. Assina lá para não perder nenhum conteúdo. Também marcamos presença no Facebook, Instagram e LinkedIn. Nesses canais, compartilhamos muitas dicas para ter mais sucesso como freelancer e também para aproveitar todos os benefícios da carreira independente. É claro, também respondemos dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post 😃 

Luiza Drubscky
Gerente de comunidade na Rock Content. Se divide entre marketing, É o Tchan e levantamento de peso olímpico :D

Comentários

5 Comentários
  1. Avatar
    postado por
    Daniela Farias
    out 11, 2017

    Oi!
    Sou formada em Letras Português e Inglês, mas depois de péssimas experiências em sala de aula, estou procurando entrar nessa área de redator. Só que estou um pouco perdida e não sei por onde começar e como começar. Será que você poderia fazer algum post relacionado a isso?
    Muito obrigada pela atenção!

  2. Avatar
    postado por
    Pienkovski Dolga Braga
    ago 15, 2017

    Luiza Drubscky, seu artigo é muito bom e impulsionou minha decisão de me tornar um redator de conteúdo freelancer. Gostaria de saber se você conhece algum site de freelance além do Workana.

    Muito obrigado pelo excelente artigo.

    • Luciane Costa
      postado por
      Luciane Costa
      ago 16, 2017

      Olá! Aproveitando a deixa para responder aqui também 🙂 Para redatores, recomendo muito Rock Content e Contentools. São os canais que pagam valores melhores para você começar. Sucesso!

    • Avatar
      postado por
      Luiza Drubscky
      ago 17, 2017

      Muito obrigada pelo feedback! Fico muito feliz em saber que te ajudei nessa decisão 🙂

      Como a Luciane falou, recomendo a Rock Content, pois lá você vai ter uma quantidade infindável de demandas, pagamento por demanda (sem blocos de tarefas) e contato direto com os especialistas de mercado. Cadastra-se por lá: https://plataforma.rockcontent.com/user/sign_up

Deixe um comentário

Desenvolvido por: